segunda-feira, 2 de agosto de 2010

Gerente evita roubo ao falar de Jesus para assaltante

Uma gerente de uma loja no sul da Flórida, nos EUA, evitou um assalto após falar de Jesus para o ladrão que havia invadido seu estabelecimento. Pouco depois de ouvir as palavras da gerente, o ladrão desistiu e fugiu. Algumas horas depois sair da primeira loja, o ladrão foi preso pela polícia de Broward.

O ladrão, identificado como Israel Camacho, de 37 anos, pediu desculpas à gerente de uma loja de celular de Pompano Beach, nos Estados Unidos, desistindo de realizar um assalto no último dia 23. A gerente Nayara Gonçalves, conseguiu evitar que ele roubasse o estabelecimento ao dizer que Jesus Cristo não aprovaria aquela atitude. Segundo o jornal norte-americano Miami Herald, Nayara é brasileira e tem 20 anos.

Menos de duas horas após sair da loja, entretanto, o mesmo homem assaltou uma loja de sapatos perto dali. Camacho foi reconhecido por testemunhas e pelo registro em câmeras de segurança das lojas. Ele pôs uma arma em uma caixa de sapatos e obrigou a vendedora a entregar o dinheiro que havia na loja. Camacho foi detido dois dias depois pela polícia local.

Depois de ouvir as palavras da gerente, Camacho disse ser cristão também, mas precisava de US$ 300,00 para não se despejado. O assaltante afirmou que detestava fazer "aquilo".

Nayara disse ao assaltante que ela teria que repor ao caixa o valor que ele subtraísse do caixa. Sensibilizado com a informação da comerciante, o ladrão pediu desculpas e, antes de sair da loja, revelou que a arma era de brinquedo.








Acompanhe trechos do diálogo:

Assaltante: Eu realmente odeio fazer isso, mas não tenha medo

Nayara: Não tenho medo. Você pode fazer o que quiser, mas antes de sair preciso falar com você sobre Jesus, o meu Deus

Assaltante: Deus te abençoe por isso

Nayara: Sou evangélica

Assaltante: Detesto fazer isso. Eu estou envergonhado, mas não tenho escolha, sinto por envolvê-la nisso

Nayara: Eu sei

Assaltante: Sou casado e preciso de US$ 300 para não ser despejado

Nayara: Não sei o que você está passando, mas todos nós passamos por momentos difíceis

Assaltante: É por isso que eu me recuso a fazer qualquer coisa nas ruas. Eu nunca fiz isso antes

Nayara: Posso pedir ajuda a amigos para conseguir um emprego para você ou você pode pegar um empréstimo

Assaltante: Passei os últimos três dias tentando isso

Nayara: Se você levar o dinheiro, terei que repor o caixa do meu bolso

Assaltante: Não quero fazer isso para você. Sinto muito e entendo que você deve chamar a polícia

Nayara: Você sabe que você não precisa fazer isso. Você sabe que Jesus pode te ajudar. Deus te abençoe. Volte para a igreja

Assaltante: A arma que estou usando é de brinquedo

Nayara: Que Deus abençoe você




Fonte: Miami Herald / G1 e Redação CPAD News

Nenhum comentário:

Postar um comentário